Sistema WiFi para escolas: saiba como ele é um aliado para a educação

A utilização do WiFi em espaços educacionais se tornou mais do que uma necessidade nos dias atuais, principalmente quando levamos em consideração a contribuição gerada na qualidade do ensino. Desta maneira, um bom sistema WiFi para escolas precisa ser visto como uma prioridade pelos responsáveis por esses ambientes.

Com as pessoas cada vez mais conectadas, fica até difícil imaginar o impacto gerado nos espaços educacionais que não disponibilizam um bom sistema WiFi para os seus frequentadores. Na prática, por se tratar de algo tão essencial atualmente, garantir uma boa rede para os alunos interfere diretamente na reputação que uma escola pode ter na sociedade em que vivemos.

Ou seja, já que estamos falando de algo que impacta diretamente vários processos de aprendizado, se torna indispensável garantir esse recurso nas salas de aula, ambientes de convivência e nos outros espaços que compõem uma escola.

Os alunos e profissionais da educação têm muito a ganhar com esse recurso. E se você possui uma escola, ou está querendo colocar uma no mercado, é importante ficar atento. Para descobrir como o WiFi é um aliado extremamente vantajoso para as escolas no século XXI, continue lendo esse texto até o final.

Tenha uma boa leitura!

O que um bom sistema WiFi representa para os ambientes educacionais nos dias atuais?

Se você chegou até aqui, significa que já conhece a importância de estar preparado para assegurar a utilização desse recurso nas instituições de ensino, não é verdade? Pois bem! Por mais que você compreenda a relevância dessa tecnologia nas escolas, saiba que existem uma série de justificativas para a realização desse investimento nos ambientes educacionais.

Ao levar em conta os novos modelos de aprendizado atuais, algumas pessoas acabam se deparando com um cenário que contribui, e muito, para modernizar os processos de aprendizagem. Aprender precisa ser enxergado como uma experiência, sendo global, intuitiva, interativa e sem fronteiras físicas, o que pode ser facilmente conquistado por meio de um bom sistema WiFi disponível nas dependências escolares.

E para isso, é necessário estar preparado. Os estudantes, professores, funcionários e visitantes circulam todos os dias nos ambientes educacionais acreditando em uma sociedade melhor para todos nós. Todos eles utilizam seus dispositivos móveis para os mais diversos fins, e esse hábito cresce dia após dia.

Só para se ter uma ideia, os últimos levantamentos apontam que existem mais celulares do que pessoas no Brasil. Portanto, isso não pode ser desconsiderado, principalmente pelas escolas.

Para garantir que uma escola faça a sua parte no que se refere à garantia de novas possibilidades, é necessário compreender a importância da conectividade nos ambientes de aprendizado. Além disso, há alguns desafios que precisam ser encarados de forma estratégica, o que vai ajudar a garantir um acesso rápido e realmente eficaz.

Se não houver um preparo adequado, os problemas começam a aparecer. E essa falta de preparo pode prejudicar o desempenho da qualidade ensino, algo que com certeza você não deseja para nenhuma escola.

Mas, afinal, qual é o papel do WiFi nas escolas?

Antes de compreender o papel do WiFi nas escolas, é necessário entender que essa tecnologia consegue ser extremamente abrangente. Desta maneira, por mais que algumas vantagens possam ser classificadas, saiba que os benefícios podem ir muito além do que está presente neste conteúdo.

Dentre a sua abrangência, podemos classificar que o WiFi nas escolas oferece desde um acesso pessoal aos alunos e frequentadores, até serviços mais completos, como a possibilidade de materiais didáticos e interativos para serem utilizados durante as aulas.

E como foi falado anteriormente, os novos modelos de aprendizado, principalmente os que usam novas tecnologias, conseguem tornar a educação muito mais interessante e acessível. Quanto mais a tecnologia estiver presente nas escolas, mais possibilidades de educação são geradas.

Desta maneira, o acesso à internet é um direito que precisa ser assegurado para todos, o que acaba gerando conectividade, acesso equitativo e de qualidade. Essa ferramenta contribui para o surgimento de diversas oportunidades e direitos, como é o caso do direito à educação. Contudo, embora muitas pessoas não saibam, esse reconhecimento encontra respaldo no Marco Civil da Internet (Lei n.º 12.965/2014) e em outros órgãos importantes, como é o caso da Organização das Nações Unidas (ONU), Organização dos Estados Americanos (OEA) e a Relatoria Especial para a Liberdade de Expressão da Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH).

Em uma pandemia mundial, por exemplo, essa ferramenta se torna ainda mais importante e necessária para tornar a educação mais acessível. Durante a pandemia do novo Coronavírus, inúmeras escolas no mundo inteiro ficaram fechadas, e com isso a educação à distância se tornou um caminho que contribuiu para reduzir os problemas gerados por essa situação. As escolas que estavam preparadas para garantir um bom ensino à distância, o que ocorreu principalmente via internet, conseguiram se destacar no mercado de forma extremamente abrangente.

O que preciso considerar ao colocar em prática um bom sistema WiFi para escolas?

Para começar, é necessário atender a alta demanda diária por meio de performance, segurança, disponibilidade e abrangência de conexão. Garantindo essas questões, dificilmente uma escola vai decepcionar nesse sentido.

É possível, inclusive, diferenciar o modo de acesso para os mais diferentes usuários. No caso dos alunos, o mais comum é assegurar um modo rápido de liberação, com segurança e sem burocracias, o que também pode ser viabilizado aproveitando a base de usuários e senhas das instituições de ensino. Já em relação aos funcionários, é recomendado pensar na segurança por meio de uma autenticação integrada também à base da empresa, além de um reforço da certificação digital.

Por fim, mas não menos importante, a sua provedora de internet não pode esquecer de destinar esforços que vão ajudar a evitar quedas ocasionadas por interferências de outros dispositivos que operam na mesma frequência de rádio ou até mesmo das antenas da rede wireless.

Ao final de tudo, os resultados gerados por esse investimento vão compensar, e muito, os esforços destinados para a implementação de um bom sistema WiFi nas escolas.

E aí, o que você acha de tudo isso? Se você deseja saber mais sobre o nosso trabalho na área, basta dar um clique aqui. Até mais!

vagalume banners rocketPrancheta 2
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Posts Relacionados